Cãozinho fica acorrentado, dentro de uma van, por 30 horas

Ele estava com um cadeado na corrente, como se fosse um criminoso

Muitas vezes ouvimos notícias de resgates de animais que nos tranquilizam completamente, sabendo que almas gentis lhes dão outro destino, muito diferente do resgate que vamos contar agora.

E também sabemos de casos devastadores em que animais inocentes ficam esperando por alguma alma boa, que tenha pena deles, e infelizmente o final de alguma histórias são verdadeiramente dolorosas.

Assim como aconteceu no México…

O cãozinho, da raça bull terrier inglês, só conhecia o lado mais perverso da humanidade. Os vizinhos ficaram apavorados após ouvirem os latidos que vinham de dentro de uma caminhonete.

O pobre inocente estava injustamente preso a uma corrente no pescoço com um cadeado, como se fosse o criminoso mais perigoso.

A descoberta gerou tal indignação que causou uma intensa mobilização até chegar ao gabinete do prefeito, que atendeu ao chamado dos vizinhos, denunciando a presença do cãozinho acorrentado dentro do veículo.

Vários vizinhos asseguraram que o cão permaneceu pelo menos 30 horas dentro do veículo estacionado.

A Secretaria de Vigilância animal Brigada de Segurança Pública (SSC) também foi acionada e, durante uma primeira inspeção visual através das janelas da van foram fechadas, eles determinaram que o cão tinha um bom aspecto da saúde, e sem sintomas de desidratação.

O pessoal da Brigada tentou fazer as respectivas investigações, questionando uma das testemunhas sobre quanto tempo o pequenino estava nessas condições.

“Desde quando o cachorro está aqui?”, Perguntaram a uma das vizinhas, María Isabel Antúnez.

“Ontem, às 12 horas, quando saí para trabalhar, eu vi o homem que o colocou lá”, Maria respondeu, deixando muitos espantados, sem entender porque não fizeram algo antes, para liberar o pobre animal.

“É um ato de crueldade para com esse animal, por isso estamos marcados pela Lei de Proteção dos Animais, já que não tem ventilação, não tem ar. Este animal deve ser transferido para o juiz cívico” , disse o segundo oficial Medellín Torreblanca Fredy.

Dentro do veículo, haviam caixas de plástico empilhadas, alguns cobertores e roupas velhas nos bancos traseiros.

Depois de se certificarem que o pequenino estava bem, a equipe do gabinete do prefeito; junto com o SSC; transferiram a caminhonete com o cãozinho para a Promotoria Especializada em Crimes Ambientais e Proteção Animal.

Lá eles determinarão se o carro será apreendido por ordem do juiz cívico, e qual será a punição ou detenção do dono, também darão um destino melhor para o cão que não tem culpa de ter um humano tão desumano como proprietário.

No vídeo, é possível ver o momento perturbador quando o pobrezinho foi encontrado, em 25 de fevereiro:

As pessoas más não conseguem perceber as necessidades que os animais têm. Não pensam no bem estar do pobrezinho; são egoístas e insensíveis…Isso precisa acabar…

Traduzido e adaptado por: Eu amo os animais

Fonte: Zoorprendente

Leave your vote

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *